Brasil Parques São Paulo

Guia do Nativo #09 – Jardim Botânico de São Paulo

Neste post vamos visitar o Jardim Botânico de São Paulo. Casa de uma fauna e flora diversa e dono de uma beleza natural inacreditável.

PODCAST

Vídeo

Ainda indisponível.

HISTÓRIA

No final do século passado, a área onde é localizado hoje o Jardim Botânico, era chamada de Parque Estadual das Fontes do Ipiranga. Era uma região com mata nativa, mas que começou a ser ocupada por sítios e chácaras.

Lá se encontrava a nascente do Rio Ipiranga onde em 1822 foi gritada a independência do Brasil em um evento elegante, onde segundo o quadro Independência ou Morte de Pedro Américo todos estavam a cavalo com trajes elegantes. Se você é brasileiro provavelmente já viu esse quadro na escola.

Mas na verdade, segundo cronistas e testemunhas da época Dom Pedro I saiu de Santos mal da barriga e quando parou no riacho Ipiranga para “atender a mais um chamado da natureza” (pela 8ª vez) chegaram dois cavaleiros do Correio Real direto do Rio de Janeiro com cartas assinadas por sua esposa Maria Leopoldina e José Bonifácio, contando sobre as novidades de Portugal e isso fez com que ele declarasse a independência, enfim, deixa essa história para outro post.

O importante é saber que o quadro “Independência ou Morte” de Pedro Américo foi pintado 66 anos depois a pedido de D Pedro II (baseado de um quadro de napoleão) e é apenas arte.

Voltando pro Jardim, por ordem do governo, as desapropriações da área de sítios e chácaras vinham ocorrendo desde 1893, para recuperar da floresta, utilizar os recursos hídricos e preservar as nascentes do Riacho do Ipiranga.

Em 1917, a região tornou-se propriedade do Governo, passando a denominar-se Parque do Estado. Até 1928 serviu para captação de águas, que abastecia o bairro do Ipiranga e neste mesmo ano, o naturalista Frederico Carlos Hoehne foi convidado para implantar um Jardim Botânico na região.

Porém, somente em 1938 o Jardim Botânico de São Paulo foi oficializado, juntamente com a criação do Departamento de Botânica, na época órgão da Secretaria da Agricultura, Indústria e Comércio de São Paulo.

Nessa época o Zoológico de São Paulo ainda não estava aberto (inaugurou em 1958), então deve ter sido incrível ter algo aberto para o público nessa região.

Em 1969, o Parque do Estado, onde o Instituto de Botânica e o Jardim Botânico estão localizados, passou a denominar-se Parque Estadual das Fontes do Ipiranga.

Hoje trabalham cerca de 200 pessoas no instituto de botânica e para a manutenção do jardim, são 20 pessoas.

O lugar é utilizado também como um laboratório a céu aberto, porque fazem pesquisas com plantas e possuem espécies que estão ameaçadas de extinção.

O Jardim recebe por volta de 200 mil pessoas por ano, é um lugar bem tranquilo, ótimo para meditação, picnic, contemplação da natureza e para relaxar. Além de ser cenário para fotos e de receber eventos.

Hoje

Então recapitulando, o Jardim Botânico foi criado tendo algumas partes inspiradas no Jardim Botânico de Upsália, la na Suécia e dentro dele você vai encontrar espaços dedicados a diferentes atividades, não se preocupe que vou tentar falar detalhadamente de cada um.

O Instituto de Botânica é vinculado ao Jardim, e hoje eles fazem diversas pesquisas em algumas áreas como a fisiologia e ecologia, o principal interesse é a conservação da biodiversidade. Eles foram responsáveis por fazer o levantamento de toda flora do Estado de São Paulo, que até pouco tempo não se conhecia, também fazem o resgate de plantas do rodoanel, para preservar estas espécies.

Jardim de Lineu

A paisagem mudou desde 2008, pois foi feito uma renaturalização do Córrego Pirarungáua que é formado por uma das nascentes do Riacho Ipiranga e que antes era canalizado.

O Jardim principal é o Jardim de Carl Von Linné, ou Lineuzão, ou só Lineu mesmo, é uma homenagem ao cientista taxinomista (aquele que dá nome aos taxis, brincadeira, que classifica e organiza grupos biológicos). E ele foi responsável pela nomenclatura binomial onde é colocado gênero-espécie, assim como Homo sapiens, sabe? Então segundo Lineu o nosso podcast seria Podcast turismus sapiens (trinomial porque é uma subspécie, os biologos como a minha prima Ju vão entender) hahaha. To usando o Latim aqui porque é uma lingua morta e não vai ter mais alterações e por isso o latim é usado na taxonomia

Lugares para fotos

Esses são lugares onde pessoas vão fazer fotos profissionais, então você pode encontrar noivos e mulheres grávidas:

  • Portão histórico;
  • Bancos ao redor do Jardim de Lineu;
  • Alameda Von Martius;
  • Escadaria;
  • Jardim dos sentidos;
  • Túnel de Bambu;
  • Bancos do Brejo Natural;

ATRAÇÕES

Animais exóticos: Lá você pode cruzar os caminhos com um bugio-ruivo, um bicho-preguiça, com uma borboleta-do-manacá, tatú, teiú, cobras ou com um tucano-de-bico-verde. Fique tranquilo que é seguro quanto às cobras.

Fauna em extinção: Você pode conhecer de perto o pau-brasil, uma árvore de palmito e o que você vai ver muito nos lagos são as vitória-régia e ninfeias (plantas aquáticas).

Museu Botânico Dr. João Barbosa Rodrigues: Foi inaugurado em 1942, construído em forma de cruz, fica próximo à estufa, neste museu você vai encontrar uma exposição fixa e linda dando detalhes da nossa fauna e flora.

Lago das Ninfeias: Este sim é um lugar incrível, é um espelho d’água e o que mais se destaca é a vida aquática, principalmente as plantas. Ali você vai se encantar com as ninfeias amarelas, roxas e rosas, acho que nunca havia visto esta flor antes e ela é o símbolo do Jardim.

Trilha da Nascente: Você passará por dentro da Mata Atlântica na altura das copas das árvores que te levará até as nascentes do Riacho do Ipiranga e o acesso é adaptado para pessoas com mobilidade reduzida.

Jardim dos Sentidos: É um lugar onde você pode utilizar do seu tato e do seu fato para sentir e diferenciar uma planta da outra, eles buscam ser acessível para pessoas com deficiência visual, inserindo plantas com bastante identidade no cheiro e na textura.

Estufas: São construídas em estruturas de ferro, foi onde começou o Jardim e também é o “cartão postal” dele. Uma das duas estufas possui em seu interior plantas tropicais do bioma da Mata Atlântica e a outra o bioma do Serrado, ambas destinadas a exposição.

COMO CHEGAR?

Ônibus (Recomendado): Temos 3 pontos de ônibus em frente ao Jardim, ônibus que saem do centro de São Paulo e outros que saem da zona sul, do metro Saúde e São Judas. Te deixarão na porta do Jardim e não precisa se preocupar com estacionamento.

Carro: Mais comodidade, porém não há lugar para estacionar fora do Jardim, ou seja, terá que pagar estacionamento. (Tabela de preços abaixo)

LOCALIZAÇÃO

No mapa abaixo você encontra o caminho feito pelo ônibus, mas caso queira saber como chegar de outra maneira, basta clicar e editar.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

Aberto: de terça a domingo e feriados (incluindo feriados que caem na segunda-feira), das 9 às 17 horas.

Quarta-feira de Cinzas aberto a partir das 12h.

No horário de verão: aberto das 9 às 18 horas.

Fechado: sexta-feira santa, 25 de dezembro e 1º de janeiro.

PREÇOS

INGRESSOS:
Estudantes: R$ 5,00
Público em geral: R$ 10,00

* Crianças até 04 anos, idosos acima de 60 anos e portadores de necessidades especiais são isentos.

ESTACIONAMENTO:
Carro de passeio: R$ 15,00
Moto e Afins: R$ 10,00
Vans, Ônibus e micro-ônibus: R$ 45,00

REFERENCIAS

https://www.infraestruturameioambiente.sp.gov.br/jardimbotanico/o-jardim/historico-do-jardim-botanico/

https://www.infraestruturameioambiente.sp.gov.br/jardimbotanico/o-jardim/ingressos/

http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-84042001000500013

https://pt.wikipedia.org/wiki/Jardim_Botânico_de_São_Paulo

http://cidadedesaopaulo.com/v2/atrativos/jardim-botanico/?lang=pt

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: