Brasil São Paulo Uncategorized

Guia do Nativo #03 – Beco do Batman

Não está afim de ler as informações abaixo? Assiste o vídeo e se inscreva ou assine o podcast!

PODCAST

VÍDEO

História

As ruas Gonçalo Afonso e Medeiros de Albuquerque são conhecidas também como Beco do Batman, porque essas ruas são uma galeria de arte a céu aberto no bairro da Vila Madalena.

Nos anos 80 o personagem Batman foi representado em pintura aqui, e depois vários outros artistas pintaram outros também. Hoje temos algumas referências ao Batman mas o forte é a expressão do grafiti no geral.

Nesta região também haviam outras expressões de arte produzida pelos moradores e frequentadores da região, como batucada, dança, samba e outros, porém com o crescimento urbano a área acabou ficando mais cara e os moradores se distanciaram, ficando apenas o Beco que cresceu por conta das redes sociais, por pessoas marcando as fotos.

É incrível como uma intervenção artística pode trazer dinheiro, turismo e transformar uma vila residencial em um local visitado por artistas e turistas de todo o mundo.

Aqui você encontra arte realista e também muita arte abstrata, os artistas gostam de deixar a interpretação para o próprio público. O graffiti brasileiro é reconhecido como um dos melhores do mundo

O graffiti é uma arte que começou nos bairros mais pobres de Nova Iorque, as pessoas escreviam os nomes nas paredes e logo isso foi se desenvolvendo para algo mais elaborado até chegar a expressões massivas como temos em outras partes de São Paulo que mostrarei no futuro.

Curiosidades

Ética da Rua

Os painéis são mediados pela ética artística de não pintar sobre a arte de outrem, esta ética é reconhecida em toda São Paulo e talvez no mundo, e o ato de pintar sobre a arte do outro, também é conhecida como atropelar.

No Beco do Batman, existem paredes nas quais os donos possuem graffiti a mais de 10 nos, alguns autorizam outros artistas a retocarem a arte, outros a criarem a própria arte lá, mas sempre sob a autorização do “dono”, ou seja, não é qualquer pessoa que pode chegar lá e pintar.

Moradores Insatisfeitos

Em 2017 um dos moradores do local expressou a sua insatisfação com algumas pessoas que visitavam o Beco do Batman fazendo barulho e bebendo até tarde, atrapalhando a vida de quem precisava descansar.

Este morador pintou por cima de um dos painéis em cinza, depois de pouco tempo, o muro já estava pichado por outras pessoas com palavras em resposta ao morador. O fato repercutiu em jornais de televisão, e segundo o morador, alcançou o que ele queria, que era visibilidade ao problema. Após tudo isso, ele autorizou o artista a ilustrar o mural novamente.

Horário de funcionamento e melhor horário

O Beco do Batman funciona 24 horas e é aberto apenas para pessoas, pois é proibida a passagem de carros pelas duas ruas.

O ideal é ir pela manhã e durante a semana, pois nos finais de semana está sempre cheio. O local é visitado por amantes de arte do mundo todo, escolas e grupos de turistas.

Preço

Nenhum valor é pago para entrar ou para apreciar os painéis.

Como chegar

Bicicletas Yellow

Esta área é coberta pela empresa Yellow, então você pode baixar o aplicativo e viajar com ela por todos os lados. Não se esquece de deixar a bicicleta apenas em locais cobertos pela empresa, porque se não terá que pagar multinha de 30 reais.

Carro

Você vai ter que parar em algumas ruas antes das ruas do beco (que normalmente são cheias) e se quer estacionar, recomendo um estacionamento na rua Harmonia, mas se prepare para pagar de 15 a 20 reais.

Metrô/trem

Estação Fradique Coutinho, linha amarela, é a mais próxima, está a 1,5km e você pode caminhar, as ruas ao redor do Beco também são graffitadas e são um show a parte.

Ônibus (Pontos próximos)

1. Viaduto Paulo Vi – código google maps: C8V9+Q5 São Paulo, SP

Linhas: 177Y-10, 209P-1, 209P-10, 778J-10, 778J-41 e N205-11

2. Rua Aspicuelta, 423 – código google maps:C8R6+WC São Paulo, SP

Linha: 138

3. Rua Purpurina, 337 – C8W5+89 São Paulo, SP

Linhas: 138, 701A-10, 846M-10, 847P-10, 847P-42 e N834-11

Comida próximo

A região conta com diversas opções para se alimentar, eu geralmente recomendo que leve a sua comida de casa para evitar gastar dinheiro e para evitar transtornos também, porém lá você vai encontrar comida de rua, você pode ir até o Armazém da Cidade comer coisinhas típicas e se sentar nas cadeiras de praias que colocam na frente, existem diversos restaurantes e bares ao redor do Beco, basta caminhar um pouco e você se deparará com diversas opções.

Localização

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: